Pular para o conteúdo principal

É seguro utilizar sibutramina para perder peso? Quando NÃO usar

A sibutramina cloridrato mono (Meridia) é um medicamento licenciado para ajudar as pessoas a perder peso e a prevenir a recuperação do peso em pessoas que já perderam peso. Ele vem em forma de cápsula, está disponível somente sob prescrição médica, e é geralmente tomada uma vez ao dia. A sibutramina funciona para ajudar você a se sentir completo mais rapidamente, aumentando a serotonina, a noradrenalina, e os níveis de dopamina no cérebro. Comuns efeitos colaterais da droga incluem perda de apetite, boca seca e constipação.

A sibutramina emagrece de verdade, mas para tomar é preciso alguns cuidados e nem sempre é recomendado, afinal, pode ter vários efeitos colaterais para o seu organismo.


Você não deve tomar a sibutramina se você for alérgico a ele ou se você severa ou não controlada a pressão arterial elevada, um transtorno alimentar (anorexia ou bulimia), se estiver a tomar estimulantes, pílulas de dieta, ou se você tem uma história de doença arterial coronariana, acidente vascular cerebral ou doença cardíaca.

Antes de tomar a sibutramina, informe o seu médico se você tiver glaucoma, pressão arterial alta, doença renal ou hepática, depressão, disfunção da tiróide, convulsões, distúrbio de sangramento, cálculo biliar, ou se você tem mais de 65 anos ou menores de 16.


Informe o seu médico sobre todos os medicamentos de prescrição e outros tipos de medicação. Não utilize sibutramina se você tiver tomado um inibidor da MAO, tais como a furazolidona (Furoxone), isocarboxazid (Marplan), fenelzina (Nardil), rasagiline (Azilect), selegilina (Eldepryl, Emsam), ou tranilcipromina (Parnate) nos últimos 14 dias. Graves, que ameaçam a vida de efeitos colaterais pode ocorrer se você usar a sibutramina antes do inibidor de MAO tem apagadas de seu corpo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como tomar Colágeno Hidrolisado (Colastrina) da forma certa

O colágeno suplementos são tomados em uma de duas formas diferentes, tanto na forma de colágeno hidrolisado ou em forma de tipo II não desnaturado colágeno; ambas as formas têm diferentes estratégias de dosagem e, enquanto os seus benefícios podem compartilhar algumas semelhanças podem ser considerados dois diferentes suplementos.
Colágeno hidrolisado é tomado em doses de cerca de 10g por dia para a saúde da pele e alguns benefícios para as articulações, e pode ser tomado com as refeições. Ela não deve ser tomado em doses mais elevadas, como um suplemento de proteína (para ganho muscular e perda de gordura) devido a ter menos eficácia do que outras fontes de proteína e um medíocre perfil de aminoácidos.
A Colastrina é um dos poucos suplementos vendidos no Brasil que tem como principal ingrediente da fórmula o colágeno hidrolisado de forma potencializada. Com a suplementação correta tomando uma cápsula pela manhã e outra a noite antes de dormir é possível que os efeitos sejam sentidos…

Principais causas da ejaculação precoce - Faça o seu diagnóstico, confira os sintomas!

O principal sintoma da ejaculação precoce é a incapacidade de retardar a ejaculação por mais de um minuto após a penetração, em casos mais graves não é preciso nem de penetração para que a ejaculação aconteça. No entanto, o problema pode ocorrer em todas as situações sexuais, mesmo durante a masturbação, é ainda mais recorrente em adolescentes ou inexperientes sexuais.
Ejaculação precoce pode ser classificada como:
Ao longo da vida (primário). A aprendizagem ao longo da ejaculação precoce ocorre, todo ou quase todo o tempo, começando com sua primeira encontros sexuais. Geralmente esse acontece por conta de pressão social, ansiedade e demais fatores psicológicos.
Adquirida (secundária). Adquiridos ejaculação precoce desenvolve depois de anteriores experiências sexuais sem problemas ejaculatórios ou disfunções eréteis.
Muitos homens sentem que têm sintomas de ejaculação precoce, mas os sintomas não satisfazem os critérios para o diagnóstico de ejaculação precoce. Em vez disso, esses ho…

Até que ponto vale à pena ficar pagando aluguel?

Pagar aluguel de casa está cada vez mais caro, mas algumas pessoas só tem (ou preferem) essa opção para atingir a independência residencial. O problema é que, com o aquecimento do mercado imobiliário, os imóveis ficaram super valorizados nos últimos anos e, agora, pagar aluguel está cada vez mais difícil para muita gente.

O aluguel tem suas vantagens – ao contrário do que muita gente pensa e paga-lo pode ser uma boa saída. O aluguel é uma forma de conquistar o sonho de ter uma casa para chamar de sua, mesmo que momentaneamente, sem ter que investir de cara um capital de giro alto ou dar uma entrada expressiva no imóvel para dar conta de pagar as prestações.


Os imóveis podem ser alugados de forma simples, sem muita burocracia e rendem margem para negociações, o que é muito bom. Dessa forma a pessoa recebe as chaves e vai morar no lugar escolhido sem ter que despender de algum dinheiro extra para isso. Os contratos de aluguel de casa são curtos, com cerca de um ano de duração, e aí resid…